Notícias › 19/02/2016

Território do Araripe é sede da Caravana Agroecológica e Cultural de todo o Semiárido

Dona Ana Alaíde, 63 anos, mantém quintal produtivo diversificado (www.asabrasil.org.br)

Dona Ana Alaíde, 63 anos, mantém quintal produtivo diversificado (www.asabrasil.org.br)

Cerca de 120 pessoas de todos os estados do Semiárido brasileiro se reunirão entre os dias 25 e 27 de fevereiro no município de Ouricuri, no território do Araripe pernambucano, durante a Caravana Agroecológica e Cultural do Araripe. O evento tem o objetivo de percorrer algumas experiências de famílias agricultoras da região que retratem as diferentes formas de produção a exemplo dos sistemas agroecológicos, irrigação, bovinocultura e alternativas para a convivência com o Semiárido.

Os conflitos por terra e os impactos da transnordestina e do polo gesseiro também serão conhecidos e debatidos pelos participantes da Caravana. A iniciativa é da Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) em parceria com a ONG Caatinga, Rede Ater Nordeste, Articulação Semiárido Brasileiro (ASA) e o Instituto Nacional do Semiárido (Insa). A programação inclui também a apresentação dos resultados do “Estudo de Viabilidade Econômica e Ecológica dos Agroecossistemas do Semiárido” realizado em três agroecossistemas do território do Araripe.

O estudo foi realizado em três etapas (oficina territorial, visitas a campo e elaboração de relatórios) a partir das formas e lógicas de organização social, econômica e cultural da agricultura familiar local. Ao todo são 17 estudos espalhados por todas as regiões do país. Para realização dos estudos, a ANA contou com a parceria da ONG AS-PTA, responsável pela metodologia.

No Araripe, o estudo foi coordenado por pesquisadores do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Práticas Agroecológicas do Semiárido (NEPPAS) da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e envolveu diversas organizações na sua realização: Caatinga, Chapada, Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Fetape, Centro Sabiá, Cresol, Copagro, Fórum de Mulheres do Araripe, Grupo de Mulheres Jurema, Caatma, e STR de Exu.

Matéria completa: http://www.agroecologia.org.br/2016/02/19/territorio-do-araripe-e-sede-da-caravana-agroecologica-e-cultural-que-reune-pessoas-de-todo-o-semiarido/

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.