Notícias › 07/02/2015

SEAPAC incentiva o cultivo da palma forrageira no semiárido potiguar

O cultiva ocorre em comunidades de dois municípios da região oeste do Estado

Experiência com plantio de palma forrageira no Oeste Potiguar (Foto: Fabrício Edino)

Experiência com plantio de palma forrageira no Oeste Potiguar (Foto: Fabrício Edino)

O cultivo da Palma Forrageira como estratégia de convivência com o Semiárido, no Rio Grande do Norte, está sendo incentivado pelo Serviço de Apoio aos Projetos Alternativos Comunitários (SEAPAC). O trabalho está sendo feito através do Núcleo de Mossoró, com os agrônomos Fabrício Edino e Carlos Georg. O trabalho está sendo feito com agricultores familiares de seis comunidades de Messias Targino e Patu, no Oeste Potiguar.

Segundo Fabrício, um dos objetivos é produzir raquetes para novos plantios, ampliando o trabalho para outros municípios e comunidades. “Nesse trabalho estamos contando com a parceria da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), que forneceu raquetes da palma forrageira para o início desse trabalho”, informou o agrônomo.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.