Notícias › 25/05/2015

Rio se une a protesto contra Monsanto

Protesto internacional contra a companhia aconteceu em aproximadamente 40 países.

Ativista protesta contra Monsanto em Toulouse. (Foto: AFP)

Ativista protesta contra Monsanto em Toulouse. (Foto: AFP)

Com cartazes com mensagens sobre “bioterrorismo”, música e dança, cerca de 250 manifestantes protestaram, no último sábado, no Rio de Janeiro, contra o grupo norte-americano de biotecnologia agrícola Monsanto. O grupo se reuniu na praça do Largo do Machado, onde houve debates, músicas e outras manifestações artísticas.

“Monsanto bioterrorista”, diziam alguns cartazes carregados pelos manifestantes, que não saíram da praça, onde o encontro foi encerrado no início da noite. O ato foi convocado pelas redes sociais e fez parte de um protesto internacional contra a companhia que aconteceu em aproximadamente 40 países, como França, Suíça e Burkina Faso, neste sábado.

Milhares de pessoas ocuparam as ruas de diversas cidades do mundo neste sábado para protestar contra a Monsanto e suas culturas e pesticidas geneticamente modificados.

Cerca de 2.500 pessoas realizaram protestos anti-Monsanto nas cidades suíças de Basileia e Morges, onde fica a sede da empresa para Europa, África e Oriente Médio. Em Paris o protesto reuniu mais de 3.000 manifestantes.

Em Estrasburgo, cerca de 1.000 ativistas se reuniram em frente ao Parlamento Europeu, onde fizeram um minuto de silêncio “em homenagem às vítimas existentes e futuras envenenados por agrotóxicos”.

Em Los Angeles, 500 manifestantes, incluindo famílias com crianças pequenas, participaram de um comício colorido e bem-humorado.

No Chile, cerca de mil pessoas protestaram em Santiago para pedir a saída da Monsanto do país e o fim da produção de alimentos transgênicos.

O protesto também chegou em Burkina Faso, onde 500 pessoas ocuparam as ruas da capital Ouagadougou contra a companhia.

AFP

Fonte: www.domtotal.com

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.